Quem eu sou? Por Malcolm Chandler

Quem eu sou?





Quem é você? Muitas vezes nos deparamos com essa pergunta em nossa vida e a resposta sai rápida e sem dificuldades, mas será que essa resposta realmente representa quem realmente somos?

E quando nos olhamos no espelho, o que vemos? E se nesse momento fizéssemos uma pergunta... quem sou eu? Qual seria a resposta?

Nosso ponto de vista cria a nossa realidade, comanda nossas ações e influencia em como nos reconhecemos. Ainda estamos presos às nossas crenças e elas nos definem sem se quer percebermos, ficamos amarrados a preconcepções de nós mesmos, que nos tira a capacidade de enxergar o eu autêntico.

E quando a pergunta é lançada... “quem sou eu? ” Muitas vezes ouvimos em nossa mente uma descrição de uma identidade baseada em crenças ideológicas relacionada a compromissos, conhecimentos, cultura, profissão ou até mesmo por influência da opinião de outras pessoas. E essas crenças chegam até nós pela família, pela religião, educação, amigos, meios de comunicação entre outros.

O grande desafio é nos conhecermos, perceber e acolher tudo o que temos e somos, sem prejulgamentos nem conceitos prontos. Na busca pelo autoconhecimento costumo fazer algumas perguntas que me levam a reflexão, como por exemplo: Quais são minhas qualidades? Quais os meus pontos de melhoria? Quais as minhas sombras? Quais os meus limites? O que eu gosto? O que me incomoda? E por que incomoda? Qual o sentido de eu fazer o que faço? Qual é minha grande obra? O que me representa? Como as pessoas me enxergam? É realmente isso que sou? QUEM SOU EU?

Ao final de alguma dessas perguntas talvez cheguemos à alguma resposta que nos mostre quem é o verdadeiro EU AUTÊNTICO.

Comentários

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Sucesso! Por Adamo Brasil

Quem eu sou? Quem sou eu? Por Adriana Tavares